Arquivo da tag: gabriel giovannini

Copa América de Downhill 4X – Julia Alves e Gabriel Giovannini confirmam o favoritismo

Brasileiros confirmam o favoritismo e são campeões de torneio em São Roque

Na Copa América de Ciclismo Downhill 4X, disputada neste domingo, em São Roque, no interior de São Paulo, a atleta Julia Alves conquistou pela quinta vez a competição (já tinha sido campeã nas edições 2014/15/16/19), enquanto Gabriel Giovannini levantou o seu terceiro troféu (campeão em 2018/19).

O percurso montado em São Roque tinha 600 metros de descida, com 12 curvas. No caminho, jardim de pedras, túnel, ponte e uma reta final para fechar a pista.

Copa América de Downhill – Foto Reprodução

A primeira final foi a das mulheres, onde Julia Alves já pulou na frente fazendo a primeira curva em primeiro.
A partir desse momento só aumentou a distância e chegou com o tempo de 55s677. O segundo lugar ficou com a Bruna Ulrich, que não largou muito bem, mas se recuperou bem durante o percurso e chegou com 1m00s309. Mariana Lopes foi terceira colocada.

Esse ano eu vim com mais vontade, por estar há muito tempo sem competir. Vim para curtir, para me divertir. Deu tudo certo – disse Julia.

Não posso negar que fiquei bem ansiosa com a volta, pois foi muito tempo sem competir, mas deu tudo. Estava preocupada com minha bike dar problema no meio da pista e isso aconteceu (escapou a corrente), mas consegui manter a velocidade e conseguir mais um titulo aqui, o que eu considero muito importante – destacou a piloto, de 24 anos.

Ciclismo Downhill, imagens aéreas da pista – Foto Reprodução

Já na final masculina, Gabriel Giovannini largou melhor, com Renato Rezendo colado durante o início no percurso.
Essas posições se mantiveram e Giovannini passou pela linha de chegada com o tempo de 47s208. A segunda posição foi de Renato Rezende, com 47s812. Kaique Milani foi terceiro e Guilherme Ribeiro o quarto.

No ano passado eu não me dediquei muito, então esse ano eu estava com mais gana e vontade de ganhar. Eu treinei muito, não foi pouco não. Sabia que os caras iam vir com tudo, eu treinei muito mesmo – disse o campeão.

Essa conquista foi bem dura, pois estava ao lado de três feras do BMX e que largam demais. Felizmente, também tenho uma base boa do BMX. Não sou profissional como eles, mas treinei bastante, especialmente sprint. É uma sensação muito gratificante, com todo o esforço e dedicação sendo recompensados e se transformarem em vitória. Tudo isso é muito engraçado, uma vez que antigamente eu estaria feliz por estar na final. Hoje, é só a vitória que importa – afirmou Gabriel.

Matéria base originalmente publicada em Globo Esporte e Olimpíada Todo Dia

Equipe a sua bike aqui na Azupa!

Gabriel Giovannini e Mariana Lopes são campeões brasileiros de Downhill 2019

Encerrando o dia de competições do Cannondale MTB Festival, a prova de Downhill teve uma pista com percurso de 1.480 m e 320 m de desnível.

© Vinícius Branca

Elite Masculina

Gabriel Giovannini, filho do nove vezes campeão brasileiro de DH Miguel Giovannini, classificou-se para a final na segunda posição e foi o penúltimo a se apresentar.
Ele assumiu a liderança com o tempo de 2min33seg249, tendo o título confirmado na última descida do dia, de Roger Vieira, que confirmou a segunda colocação com o tempo de 2min34seg770.

© Gustavo Epifanio – Cannondale MTB Festival

“Este é um título que meu pai conquistou nove vezes e pelo menos chegar a fazer uma vez o que ele fez é muito emocionante. Era o único título nacional que eu não tinha, estou muito feliz com isso”, contou Gabriel.

“Tenho muita vontade de ir para fora, tenho planos para isso. Esse ano foi meio conturbado, estou voltando de lesão agora, com a cabeça girando muito com um monte de coisas, mas deu tudo certo. Fiz uma descida muito boa e só tenho a agradecer. Mas consegui voltar depois de quatro meses parado. Vamos ver se ano que vem dá tudo certo e eu vou para exterior brigar com os grandes do mundo”, completou.

Resultado Elite Masculino DH

1 – Gabriel Giovannini
2 – Roger Vieira
3 – Bernardo Cruz
4 – Walace Miranda
5 – Mauricio Cirne

Elite Feminina

Mariana Lopes foi a mais rápida na etapa classificatória e confirmou o favoritismo e levou o título com o tempo de 3min34seg407, deixando para trás a campeã brasileira de 2018, Laís Flecke.

© Gustavo Epifanio – Cannondale MTB Festival

“Achei a pista animal. O Campeonato Brasileiro tirou onda com a montagem dessa pista, muito bem feita, muito técnica. Foi adrenalina total e estou muito feliz de ser campeã. O ano inteiro de treinamento, focando na descida mais forte possível pra conseguir chegar na frente. As meninas andam muito, mas estou feliz por esse título conquistado”, comemorou Mariana.

Resultado Elite Feminino DH

1 – Mariana Lopes
2 – Lais Flecke
3 – Bárbara Jechow
4 – Karina Kosmala
5 – Ana Maria Xavier